Blog

[:pb]Pesquisa de clima organizacional: entenda seus colaboradores[:en]Organizational Climate Survey: understanding your employees[:]

A pesquisa de clima organizacional traz grandes benefícios para as empresas

[:pb]Com os inúmeros desafios impostos pela economia brasileira nos últimos anos, as empresas têm procurado otimizar seus recursos ao máximo. Visando um equilíbrio saudável entre investimentos e despesas, um termo está cada vez mais em alta no mercado: produtividade. A busca pelo aumento da produtividade faz com que organizações praticamente se reestruturem. Dessa forma, mudam seus planejamentos, revisam processos, realizam novas contratações, internalizam tecnologias, entre outros elementos. Ainda assim, em muitos casos, um “pequeno segredo” fica de lado: a valorização do ambiente interno. Se você deseja conhecer o nível de felicidade de seus colaboradores, por que não divulgar uma pesquisa de clima organizacional? As pesquisas parecem simples de produzir. Só parecem. E continuam “esquecidas” ainda por boa parte do mercado.

Para acrescentar, pessoas mais felizes em seus empregos são mais produtivas. A lógica parece simples, mas quão mais produtivas elas são? As pesquisadoras Sonja Lyubomirsky, da Universidade da Califórnia, e Laura King, da Universidade de Missouri, conduziram um longo estudo sobre esse tema para a Associação Americana de Psicologia (APA). De forma resumida, a descoberta foi interessante: em média, um profissional feliz é 31% mais produtivo, apresenta nível de criatividade três vezes maior e tende a registrar um aumento de 37% nas vendas. Os dados por si só demonstram a relevância de colaboradores satisfeitos e motivados. Ainda assim, não é por um passe de mágica que você terá funcionários alegres no dia a dia, afinal suas vidas pessoais interferem na busca pelo equilíbrio com a vida profissional. Mas é bem possível identificar o nível de satisfação de cada um deles.

Desenvolvendo a pesquisa de clima organizacional

O primeiro passo é criar uma pesquisa interna, com a finalidade de entender este nível de satisfação, após sua divulgação. O desenvolvimento do questionário e de seu teor dependem muito de cada corporação, além de seu segmento. Em outras palavras, uma empresa que trabalhe com o desenvolvimento de software, na área de TI, por exemplo, exige um nível de concentração muito alto de seus colaboradores. É comum encontrá-los com headsets, escutando suas músicas favoritas, e com o olhar fixo para a tela do computador, por boa parte do dia.

Detectar suas emoções é uma tarefa muito mais complexa que em uma loja de venda de algum determinado produto, local onde as interações pessoais são primordiais. Ou seja, é muito provável que o questionário tenha que ser bem mais completo na desenvolvedora de software.

A pesquisa

Para isso, a pesquisa pode ter diferentes formatos. O questionário pode ser via alternativas, com os funcionários marcando X para os tópicos em que estiverem satisfeitos, ou por meio de respostas em que eles puderem assinalar “sempre”, “muitas vezes”, “às vezes”, “poucas vezes” ou “nunca”. Além disso, as perguntas podem englobar diferentes tópicos. Veja exemplo de uma pesquisa de clima organizacional abaixo:

  1. Você gosta do ambiente de trabalho?
  2. Tem prazer em trabalhar na empresa?
  3. Acha que a empresa atende os clientes de forma satisfatória?
  4. Sente-se motivado todos os dias ao acordar para trabalhar?
  5. Enxerga oportunidades de crescer dentro da organização?
  6. Acredita que os funcionários trabalhem de forma colaborativa?
  7. É tratado de forma respeitosa pelos colegas?
  8. Considera um ou mais colegas profissionais como seus amigos?
  9. Tem recebido feedback sobre o seu trabalho com a frequência que gostaria?
  10. Já foi alguma vez elogiado por seu chefe?
  11. Já foi alguma vez criticado por seu chefe?
  12. Acredita que seu chefe seja um modelo para a equipe?
  13. Pensa que a empresa tem as tecnologias necessárias para desenvolver o trabalho da melhor forma?
  14. Acredita que concentra mais esforços no trabalho que deveria?
  15. Tem conseguido conciliar com sua vida pessoal, normalmente?
A pesquisa de clima organizacional de uma empresa visa entender o nível de motivação dos colaboradores

Os passos seguintes

Com as respostas em mãos, é hora de compilar os dados e verificar possíveis respostas mais “sensíveis”. Há funcionários que merecem uma atenção maior, mais dedicada. Por isso, é hora de entender como melhorar o engajamento de seus colaboradores – ampliando também o dos clientes, por consequência.

Na fase de análise, é fundamental que a empresa identifique as respostas de maior percentual para cada pergunta. Se 75% dos funcionários disserem que nunca receberam um feedback, talvez seja necessário introduzir essa nova prática dentro da organização. Por outro lado, se 98% dos colaboradores sentem-se motivados para acordar e ir ao trabalho, as ações de valorização do ambiente interno definitivamente estão no caminho certo.

Hora de agir

O que isso permite? Estruturar as respostas mais frequentes dadas por seus funcionários na pesquisa de clima organizacional permite reorganizar sua estratégia e definir novas táticas para cada departamento. Ou, num cenário ideal (e perfeito, praticamente), mostra que você está tomando todas as medidas corretas. Partindo da ótica de que mudanças serão necessárias de fato, elenque suas prioridades.

  1. Criar reuniões internas periódicas para fornecer feedback aos colaboradores;
  2. Passar a fazer elogios públicos quando os profissionais executarem um trabalho bem feito;
  3. Realizar treinamentos internos, com o objetivo de capacitar os funcionários.

Essas são algumas dicas de ações a serem tomadas, dependendo da prioridade – varia muito de acordo com as respostas obtidas. Divulgue os resultados, via e-mail, newsletter ou jornal mural. A comunicação interna é importante para que os funcionários sintam-se como parte integrada da empresa. Eles precisam notar que a empresa onde trabalham se importa com eles.

Para isso, é importante mapear os perfis e dar sequência ao trabalho. Como? É simples. Após a realização das ações e um tempo determinado (dali a seis meses ou um ano), faça uma nova pesquisa, com perguntas similares e algumas novas, questionando, por exemplo, se os colaboradores puderam sentir realmente essas novidades dentro da organização.

Para concluir, torne frequente a pesquisa de clima organizacional e faça com que a sua empresa seja o mais humana possível. Motive seus colaboradores ao máximo, aumentando a qualidade no ambiente de trabalho. Afinal, colaboradores mais felizes irão produzir mais e melhor.[:en]With the numerous challenges imposed by the Brazilian economy over the recent years, companies have sought to optimize their resources to the maximum. Aiming for a healthy balance between investments and expenses, a term is increasingly high in the market: productivity. Since they are pursuing an increased productivity, organizations are practically being restructured. They change their planning, review processes, make new hires, internalize technologies, and adjust other elements. Still, in many cases, a “little secret” is still set aside: the valuation of the internal climate. If you want to know the happiness level of your employees, why don’t you spread an organizational climate survey? It seems simple to produce. Sure, it just seems simple. Either way, they remain “forgotten” by many companies in the market.

Happier people in their jobs are more productive. The logic seems clear, but how much more productive are they? Researchers Sonja Lyubomirsky, of the University of California, and Laura King, of the University of Missouri, have conducted a long study on this topic for the American Psychological Association (APA). In summary, the finding was interesting: on average, a happy professional is 31% more productive, has a creativity level three times larger and tends to register a 37% increase in sales. The data alone demonstrate the relevance of satisfied and motivated employees. Still, it is not by magic that you will have cheerful employees on a daily basis, since personal life also do interfere in their search for balance with work life. It is quite possible to identify the level of satisfaction of each of them.

Developing Organizational Climate Research

The first step is to create an internal survey, in order to understand this level of satisfaction, after its disclosure. The development of the questionnaire and its content depend greatly on each corporation, in addition to its segment. Let me exemplify: a company that works with software development in the IT industry, for example, requires a very high level of concentration from its employees. It is common to find them with headsets, listening to their favorite songs, and staring at the computer screen for much of the day. Detecting their emotions is a much more complex task than inside of a store which sells some particular product. This is a specific place where personal interactions are significant, i.e. it’s very likely that the questionnaire will have to be much more complete in the software developer company.

The survey may have different formats. The questionnaire can be via alternatives, with employees marking X for the topics they are satisfied with, or answers that they can mark “always”, “often”, “sometimes”, “rarely” or “never”. The questions can cover different topics. Here is an example of questions to be included on an organizational climate survey below:

  1. Do you like the work environment?
  2. Are you happy to work in the company?
  3. Do you think the company serves customers satisfactorily?
  4. Do you feel motivated every day when you wake up to work?
  5. Do you see opportunities to grow within the organization?
  6. Do you believe employees work collaboratively?
  7. Are you treated respectfully by your colleagues?
  8. Do you consider one or more professional colleagues as your friends?
  9. Have you received feedback on your work as often as you would like?
  10. Have you ever been praised by your boss?
  11. Have you ever been criticized by your boss?
  12. Do you think your boss is a role model for the whole team?
  13. Do you think that the company has the necessary technologies to develop its work in the best way as possible?
  14. Do you think you are currently focusing more on your work than you should?
  15. Have you managed to reconcile work life with your personal life normally?

The following steps

With the answers in your hand, it’s time to compile the data and check for the most “sensitive” answers. There are employees who deserve greater and more dedicated attention. It is time to understand how to improve the engagement of your employees – also expanding customers’, as a consequence of your future actions. In the analysis phase, it is essential that the company identifies the highest percentage answers for each question. If 75% of employees say they have never received feedback, it may be necessary to introduce this new practice into the organization. On the other hand, if 98% of employees feel motivated to wake up and go to work, the actions of valuing the internal climate are definitely on the right track.

What does this allow? Structuring the most frequent responses given by your employees in organizational climate survey allows you to reorganize your strategy and define new tactics depending on each department. Or, in an ideal landscape (or a perfect landscape, if I may say), it shows that you are taking all the exact right steps. Starting from the viewpoint of what changes will actually be needed, rank your priorities.

  1. Create periodic internal meetings to provide a feedback to your employees;
  2. Start making public compliments when the professionals do their work well;
  3. Conduct internal training, with the purpose of capacitating your employees.

These are some action tips to be taken, depending on the priority – it varies greatly depending on the answers you get. Share the results, via e-mail, newsletter or wall paper. Internal communication is important for employees to feel like an integrated part of the company. They need to note that the company where they work cares about them. It’s important to map their profiles and continue the work. How? It’s actually simple. After introducing and performing the actions, and also after a certain time (six months or a year later), do a new survey, with similar questions. Don’t forget to add some new ones, asking, for example, if the collaborators could really feel the progress within the organization.

Make frequent organizational climate survey and make your business as humane as possible. Motivate your employees to the fullest, increasing quality in the work environment. After all, happier employees will produce more and better.[:]